O jogo de equipe da Ferrari é compreensível

Publicado: 30/07/2010 em Fórmula 1

Fria saudação entre os companheiros

Vamos com calma, meus caros!

Depois de quase uma semana da polêmica envolvendo Felipe Massa e Fernando Alonso no GP da Alemanha, em Hockenheim, resolvi dar um ligeiro pitaco a respeito de toda a confusão que se desenrolou.

A Ferrari fez uma aposta. Assim como em Interlagos-07 o Felipe deu a vitória para Kimi ser campeão e em Xangai-08 Kimi cedeu um segundo lugar para Massa ter mais chances de título no Brasil.

Hoje, em 2010, Fernando Alonso, bicampeão mundial, tinha muito mais pontos que Felipe Massa na tabela. Com o desempenho mostrado pela Ferrari na Alemanha, é justo sonhar com mais vitórias e, conseqüentemente, a luta pelo título ao final do ano.

Assim, a Ferrari preferiu vencer com Alonso. Uma vitória de Massa – na atual situação – não teria o menor sentido para os planos de título de pilotos da Scuderia. Seriam sete pontos a menos para Alonso, que já se encontra atrás da dupla da McLaren – Lewis Hamilton e Jenson Button – e do duo da Red Bull – Sebastian Vettel e Mark Webber.

Portanto, meus caros, apesar da choradeira, é compreensível – não justo – a atitude da Ferrari.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s