Arquivo de novembro, 2009

Peter Sauber está de volta

Com o naufrágio das negociações com o grupo de investimentos suíço Qadbak, a BMW agiu rapidamente nos bastidores e vendeu sua equipe de Fórmula 1 ao antigo proprietário, o suíço Peter Sauber.

Após quatro anos, o tradicional time voltará a ser independente, embora ainda não tenha anunciado com que motor participará da próxima temporada.

A montadora bávara deixa a categoria após a conquista do vice-campeonato de construtores em 2007 como melhor resultado. Apenas uma vitória foi obtida pelo time, através de Robert Kubica, no GP do Canadá de 2008.

No entanto, o time ainda não tem 100% de certeza com relação a sua participação no campeonato de 2010. A possibilidade da Toyota vender sua equipe a um investidor russo propiciaria a este novo time a 13ª vaga no grid, uma vez que a BMW não assinou o Pacto da Concórdia, ao contrário da montadora japonesa.

Anúncios

Liuzzi e Sutil

Mais uma equipe já tem sua dupla de pilotos definida para a temporada de 2010 da Fórmula 1. É a Force India, que manterá Adrian Sutil e Vitantonio Liuzzi como titulares.

Enquanto o alemão parte para a quarta temporada consecutiva no time (desde que este se chamava Spyker), o italiano terá a oportunidade de renascer na categoria máxima do automobilismo mundial.

A confirmação de Sutil na Force India acaba com as especulações sobre a possibilidade do tedesco se transferir para a Mercedes. A montadora germânica já oficializou a contratação de Nico Rosberg para o próximo ano e a outra vaga deve ficar entre Nick Heidfeld e Heikki Kovalainen.

Zanardi se despede do WTCC

Publicado: 26/11/2009 em WTCC

Alex: exemplo de superação no automobilismo

Alessandro Zanardi anunciou nesta quinta-feira (26) que deixará o WTCC. O italiano, de 43 anos, sem dúvida teve sua decisão influenciada pelo corte de investimentos da BMW, montadora que defende desde 2005.

A marca bávara só contará com Augusto Farfus Jr. e Andy Priaulx em 2010.

O piloto, no entanto, não descarta participar de alguma outra categoria no futuro.

Carreira meteórica nas divisões de base

Nascido na cidade de Bolonha, aos quatro anos se mudou com a família para o vilarejo de Castel Maggiore. Sua irmã era uma promissora nadadora, mas faleceu num acidente de carro.

Zanardi começou no kart aos 13 anos. Em 1988 estreou na Fórmula 3 Italiana e lutou pelo título nos anos seguintes.

Em 91 se mudou para a F-3000 Internacional. Pela equipe II Barone Rampante, estreou com vitória na categoria e, ao final do ano, terminou como vice-campeão, obtendo mais duas vitórias.

Estréia na F1

Ainda em 1991, graças a sua grande temporada na F-3000, o piloto participou de três corridas, na novata Jordan.

No ano seguinte, substituiu Christian Fittipaldi em algumas corridas, porque o brasileiro estava contundido. Ao final da temporada, testou com a Benetton, mas acabou acertando com a decadente Lotus pra 93.

Naquele ano, sofreu um grave acidente no GP da Bélgica e só retornou às pistas no GP da Espanha do ano seguinte, ocupando o lugar do português Pedro Lamy.

Com a falência do time inglês, Zanardi ficou sem equipe para a temporada de 1995.

Transferência para os EUA

Em 1996, estreou na finada Champ Car pela poderosa equipe Chip Ganassi. Foi o estreante do ano (Rookie of the Year) e terminou o campeonato na terceira posição. Seu companheiro, o norte-americano Jimmy Vasser, foi o campeão.

Nos dois anos seguintes, Zanardi dominou a categoria e arrebatou os dois títulos, com um total de 12 vitórias.

Retorno à F1

Após os triunfos na Champ Car, Alex Zanardi voltou à Fórmula 1 pela Williams. No entanto, estava completamente fora do ritmo e ainda tinha que lutar a bordo do fraco carro da equipe inglesa.

Foi esmagado pelo jovem parceiro, o alemão Ralf Schumacher, que somou todos os pontos da Williams naquele ano.

De volta aos EUA

Em 2000, o italiano não acertou com time algum, mas manifestava o desejo de retornar à Champ Car. Testou pela equipe Mo Nunn e assinou para competir em 2001.

Em sua melhor corrida na temporada, sofreu um pavoroso acidente no oval de Lausitz, no dia 15 de setembro. O saldo da tragédia foi o amputamento de suas duas pernas.

Retumbante regresso

Poucos acreditavam, mais o eterno Alessandro Zanardi voltaria às competições. No ano de 2002, deu a bandeirada final na prova de Toronto, no Canadá.

No ano seguinte, completou de forma simbólica as 13 voltas que restavam para o fim da etapa de Lausitz, em 01, quando se acidentou. Com uma média horária de 310Km/h, teria largado de quinto no evento daquele ano.

Assim, ficou claro que o italiano ainda tinha a velocidade nas veias.

Enfim, o retorno

Zanardi passou a competir no ETCC (Campeonato Europeu de Carros de Turismo) em 2004, pelo Team Italy Spain. Com o mesmo time, passou para o WTCC em 2005. Em cinco temporadas, obteve quatro vitórias, correndo com um modelo BMW 320si adaptado.

Sua temporada de estréia foi a melhor de todas, terminando em 10º lugar, com 36 pontos.

Acabou o mistério. A organização da Fórmula Indy revelou nesta quarta-feira (25) que a temporada 2010 do certame terá início nas ruas de São Paulo, no dia 14 de março.

Cidades como Rio de Janeiro, Salvador e Ribeirão Preto estavam no páreo, mas não contavam com a maior estrutura e astúcia dos dirigentes paulistas, que nem fizeram uso do autódromo de Interlagos para atrair a atenção da categoria.

Pela primeira vez a Indy chegará ao Brasil. Entre os anos de 1996 e 2000, a antiga Champ Car correu no autódromo de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro.

Entretanto, ainda não se conhece o palco do espetáculo. O Sambódromo do Anhembi, o aeroporto Campo de Marte e o Parque do Ibirapuera estão entre os locais favoritos.

Nico Roberg posa ao lado de um Mercedes

Nico Rosberg é o primeiro piloto contratado pela Mercedes para o campeonato 2010 da Fórmula 1. O alemão, de 24 anos, troca de lugar com Rubens Barrichello na próxima temporada, já que o brasileiro foi anunciado no início do mês como novo reforço da Williams.

A opção da montadora germênica pelo filho do campeão mundial de 1982, o finlandês Keke Rosberg, é mais do que um interesse patriótico e mercadológico. Em seus quatro anos na categoria, o alemão – que é filho de uma sueca – obteve bons resultados com a decadente Williams, levando os carros do Tio Frank a pódios inesperados em 2008.

A equipe – antiga Brawn GP – espera manter o bom rendimento em 2010 e conta com Nico Rosberg para levar o time às vitórias e, quem sabe, a mais um título mundial. Ainda não se sabe quem será seu companheiro de equipe, mas espera-se a contratação de um piloto com características mais subservientes. Neste caso, Nick Heidfeld e Heikki Kovalainen estariam em vantagem.

Caso a Mercedes decida por uma dupla mais explosiva, Adrian Sutil, piloto da Force India, também estaria no páreo.

Títulos nas categorias de base

Nico é um menino prodígio. Nascido na cidade de Wiesbaden, sua estréia no automobilismo foi em 2002, na Fórmula BMW Alemã. E, logo de cara, arrebatou o título da categoria. Pela equipe VIVA Racing, obteve cinco poles e nove vitórias em 20 provas disputadas.

Os bons resultados o levaram para a Fórmula 3 Européia no ano seguinte. Em duas temporadas, acumulou três poles e quatro vitórias, ficando em quarto lugar na classificação geral de 2004.

Em 2005, apostou suas fichas na então recém-criada GP2, conquistando o título pela equipe ART, com direito a quatro poles e cinco vitórias. Seu grande adversário no certame foi o finlandês Heikki Kovalainen, que era apoiado pela Renault.

Recorde na Fórmula 1

Poucos se lembram, mas Nico Rosberg marcou sua estréia na Fórmula 1, em 2006, com um recorde. Logo em seu primeiro GP, em Sakhir, no Bahrein, aplacou a volta mais rápida da corrida, com apenas 20 anos e 258 dias de vida.

Yvan Muller

Yvan Muller, campeão de 2008 do WTCC, anunciou que muda de equipe na próxima temporada. O francês deixará a SEAT – montadora que defende desde seu ingresso na categoria em 2006 – e passará a vestir as cores da Chevrolet.

O piloto se juntará a Robert Huff e Alain Menu em 2010. Ele substituirá Nicola Larini nos carros azuis, uma vez que o italiano anunciou a aposentadoria no fim de semana passado, em Macau, no encerramento da temporada.

Carreira começou nos monopostos

Aos 40 anos, Yvan Muller tem uma longa carreira no automobilismo. Tudo começou no longínquo ano de 1988, quando ingressou na Fórmula Renault Francesa. Nos três anos seguintes, competiu na divisão gaulesa da Fórmula 3, sem resultados de destaque.

Porém, em 1992, alcançou o título da F2 Britânica, passando para a F-3000 Internacional em 1993. Curioso notar que sua irmã, Cathy, competiu em quatro provas da categoria entre as temporadas de 1986-88.

Mudança para os carros de Turismo

Em 1995, Muller venceu o FTCC (Campeonato Francês de Carros de Turismo), além de participar do certame alemão, italiano e europeu da categoria.

Mas foi no BTCC – a divisão britânica da categoria – que o francês competiu a maior parte do tempo. Inicialmente defendendo a Audi, venceu sua primeira prova em 1999, quando terminou em sexto. Em 2000, foi o quarto no geral.

No ano seguinte, se mudou para a Vauxhall. Com a mudança de regulamento, a equipe dominaria a categoria nos cinco anos posteriores. E Muller não fez feio. Conquistou o título em 2003 e foi vice-campeão nas outras quatro oportunidades (em 2001, para Jason Plato; em 2002 e 2004 para James Thompson e em 2005 para Matt Neal).

Transferência para o WTCC

Só em 2006 Yvan Muller passou para o WTCC. Conquistou sua primeira vitória, na Inglaterra, e terminou a temporada na quarta posição, com 62 pontos. No ano seguinte, foi vice-campeão, com duas vitórias e 81 pontos. Em 2008, foi campeão com apenas três vitórias, mas uma consistência impressionante de pódios, o que lhe rendeu 114 pontos.

Em 2009, apesar de quatro triunfos, acabou novamente como vice-campeão, perdendo a disputa interna na SEAT para o italiano Gabriele Tarquini.

Participação em outras categorias

Pouca gente sabe, mas Yvan Muller já competiu no Australian V8. Durante muitos anos, o piloto participou de eventos de endurance daquele certame, vencendo, inclusive, a Sandown 500, em 2005, numa parceria com Craig Lowndes num Ford Falcon.

O francês já correu até na famosa 24 Horas de Le Mans, em 1993 e 1996. No entanto, não chegou ao final em nenhuma duas oportunidades. Foi assim também no Rally Dacar, disputado em 2009 na América do Sul. Muller abandonou no quinto estágio.

Em 2007, representou a França na Corrida dos Campeões, ao lado de Sebastien Bourdais.

Burti vence e Bueno leva o tri

Publicado: 23/11/2009 em Stock Car

Na corrida que marcou a primeira vitória de Luciano Burti na Stock Car, Cacá Bueno conquistou seu terceiro título na categoria, após terminar em quarto lugar o GP de Tarumã deste domingo (22). Mais tarde, Daniel Serra, segundo colocado, seria punido e o carioca passaria para o terceiro posto. O pódio foi completado por Popó Bueno.

Os rivais de Cacá abandonaram. Ricardo Mauricio a 30 voltas do final e Thiago Camilo a 11. Allam Khodair, vice-líder do certame, terminou em quinto, enquanto Marcos Gomes, autor da melhor volta da prova, ficou em quarto.

Resta ainda a última etapa da temporada, que será realizada em Interlagos, no dia 6 de dezembro.

Confira o resultado final em Tarumã e a classificação atualizada:

1º) 14 – Luciano Burti (CV, SP), 38 voltas em 50:39.564 (média de 135.73 km/h)
3º) 74 – Popó Bueno (CV , RJ), a 2.078
3º) 0 – Cacá Bueno (P3 , RJ), a 3.185
4º) 80 – Marcos Gomes (CV , SP), a 5.424
5º) 18 – Allam Khodair (P3 , SP), a 5.645
6º) 6 – Alceu Feldmann (CV , PR), a 5.906
7º) 51 – Atila Abreu (CV , SP), a 6.814
8º) 63 – Lico Kaesemodel (CV , PR), a 7.154
9º) 20 – Ricardo Sperafico (P3 , PR), a 7.938
10º) 65 – Max Wilson (CV , SP), a 8.130
11º) 11 – Nonô Figueiredo (CV , SP), a 8.174
12º) 35 – David Muffato (P3 , PR), a 11.041
13º) 31 – William Starostik (CV , PR), a 11.531
14º) 29 – Daniel Serra (P3 , SP), a 20.250
15º) 99 – Xandinho Negrão (CV , SP), a 30.271
16º) 8 – Pedro Gomes (CV , SP), a 31.035
17º) 33 – Felipe Maluhy (P3 , SP), a 5 voltas
18º) 21 – Thiago Camilo (CV , SP), a 10 voltas
19º) 9 – Giuliano Losacco (P3 , SP), a 11 voltas
20º) 3 – Chico Serra (P3 , SP), a 11 voltas
21º) 7 – Thiago Marques (P3 , PR), a 11 voltas
22º) 27 – Guto Negrão (P3 , SP), a 15 voltas
23º) 44 – Norberto Gresse (CV , SP), a 15 voltas
24º) 15 – Antonio Jorge Neto (P3 , SP), a 20 voltas
25º) 23 – Duda Pamplona (CV , RJ), a 21 voltas
26º) 90 – Ricardo Mauricio (CV , SP), a 30 voltas
27º) 10 – Ricardo Zonta (P3 , PR), a 30 voltas
28º) 4 – Claudio Ricci (P3 , RS), a 32 voltas

Melhor volta: Marcos Gomes, 1:06.239 (163.91 km/h)

Classificação:

Cl.                 Pilotos Equipe
1 C. Bueno Red Bull 286
2 A. Khodair Full Time 250
3 L. Burti Boettger 249
4 R. Mauricio RC 244
5 T. Camilo Vogel 243
6 A. Abreu AMG 242
7 V. Brito RCM 235
8 M. Gomes Action Power 228
9 D. Serra Red Bull 227
10 M. Wilson RC 215
11 Ri. Sperafico Zonta 73
12 D. Pamplona Officer 59
13 X. Negrão A. Mattheis 53
14 A. Jorge Neto RC3 Bassani 52
15 A. Pizzonia Amir Nasr 51
16 R. Zonta Zonta 45
17 G. Losacco JF 41
18 P. Salustiano Vogel 38
19 L. Kaesemodel AMG 36
20 N. Figueiredo Officer 35
21 A. Feldmann Boettger 33
22 P. Bueno Hot Car 28
23 D. Muffato RC3 Bassani 21
24 W. Starostik A. Mattheis 15
25 F. Maluhy Avallone 14
26 Ro. Sperafico Zonta 8
27 N. Gresse Hot Car 8
28 Thi. Marques JF 7
29 C. Serra Avallone 5
30 Ta. Marques JF 2
31 E. Bernoldi RCM 1

Mesmo com o título assegurado, Leonardo Cordeiro venceu as duas etapas da rodada dupla deste fim de semana em Curitiba. O piloto paulista chegou a impressionante marca de 10 vitórias em dezoito provas disputadas na temporada 2009 da Fórmula 3 Sul-Americana.

O vice-campeonato ficou com Claudio Cantelli, quarto colocado na segunda bateria.

Confira o resultado das provas e a classificação final do certame:

Corrida 1:

1º- Leonardo Cordeiro – 31m15s075
2º- Lucas Foresti – a 26.883
3º-Henrique Martins – a 31.911
4º- Lu Boesel – a 33.528
5º- Raphael Abbate – a 42.885
6º- Igor Veras – a 43.491
7º- Henrique Lambert – a 45.935
8º- Claudio Cantelli – a 1m11s494
9º- Yann Cunha – a 1m14s996
10º- Leonardo de Souza – a 9 voltas
11º- Nilton Molina – a 11 voltas
12º- Bruno Andrade – a 16 Vtas

Corrida 2:

1º-Leonardo Cordeiro- 1m22s226
2º- Yann Cunha- a 15.093
3º- Igor Veras -a 15.546
4º- Claudio Cantelli – a 19.345
5º- Henrique Lambert- a 22.277
6º- Nilton Molina – 29.245
7º- Lucas Foresti- a 29.626
8º- Henrique Martins- a 46.417
9º- Bruno Andrade- a 50.281
10º- Leonardo de Souza – a 58.603
11º- Lu Boesel- 59.358
12º- Raphael Abbate- a 1:16.520

Classificação:

1- Leonardo Cordeiro – 138 pontos (campeão)
2- Cláudio Cantelli – 96 pontos
3- Lucas Foresti – 81 pontos
4- Henrique Lambert – 75 pontos
5- Yann Cunha – 74 pontos
6- Lu Boesel – 55 pontos
7- Igor Veras – 55 pontos
8- Nilton Molina – 45 pontos
9- Leonardo de Souza – 34 pontos
10- Fernando Galera – 23 pontos

Última vitória de Craig havia sido em G. Coast

Jamie Whincup venceu a etapa de sábado (21) da Australian V8, em Barbagallo e, com um quarto lugar no domingo (22), deu um passo importantíssimo na luta por seu segundo título consecutivo na categoria.

O piloto da equipe Vodafone foi ajudado pelo mal desempenho de Will Davison no fim de semana. Seu principal rival na disputa da taça foi apenas o quinto colocado na primeira bateria e terminou abandonando na segunda.

Craig Lowndes, companheiro de equipe de Whincup, foi o vencedor do domingo, se mantendo em quarto no certame.

A última etapa da temporada acontece em Oran Park, entre os dias 5 e 6 de dezembro.

Confira o resultado final das duas baterias em Barbagallo e a classificação atualizada:

Corrida 1:

Pos  Piloto                Montadora                  Tempo
1.  Jamie Whincup         Ford Falcon FG        41m33.5350s
2.  Todd Kelly            Holden Commodore VE   +  12.0729s
3.  Mark Winterbottom     Ford Falcon FG        +  12.7278s
4.  James Courtney        Ford Falcon FG        +  19.5339s
5.  Will Davison          Holden Commodore VE   +  27.2836s
6.  Craig Lowndes         Ford Falcon FG        +  33.5556s
7.  Rick Kelly            Holden Commodore VE   +  38.5799s
8.  Greg Murphy           Holden Commodore VE   +  41.1059s
9.  Russell Ingall        Holden Commodore VE   +  42.0545s
10.  Steven Johnson        Ford Falcon FG        +  47.9816s
11.  Garth Tander          Holden Commodore VE   +  49.0452s
12.  Lee Holdsworth        Holden Commodore VE   +  50.5409s
13.  Fabian Coulthard      Ford Falcon FG        +  56.1331s
14.  Michael Caruso        Holden Commodore VE   +   1 volta
15.  Shane Van Gisbergen   Ford Falcon FG        +   1 volta
16.  Paul Dumbrell         Holden Commodore VE   +   1 volta
17.  Alex Davison          Ford Falcon FG        +   1 volta
18.  Jason Bargwanna       Holden Commodore VE   +   1 volta
19.  Tim Slade             Holden Commodore VE   +   1 volta
20.  Jason Richards        Holden Commodore VE   +   1 volta
21.  Michael Patrizi       Ford Falcon BF        +   1 volta
22.  Tony D’Alberto        Holden Commodore VE   +   1 volta
23.  Steven Richards       Ford Falcon FG        +   1 volta
24.  Jason Bright          Ford Falcon FG        +   1 volta
25.  Cameron McConville    Holden Commodore VE   +   1 volta
26.  Jack Perkins          Holden Commodore VE   +   1 volta
27.  Mark McNally          Holden Commodore VE   +   1 volta
28.  David Reynolds        Holden Commodore VE   +   2 voltas

Abandonos:
                           
     Piloto                Montadora                  Voltas

     Dean Fiore            Holden Commodore VE    36

Corrida 2:

Pos  Piloto                Montadora                  Tempo
1.  Craig Lowndes         Ford Falcon FG        1h27m42.4547s
2.  Steven Johnson        Ford Falcon FG        +    11.1607s
3.  Garth Tander          Holden Commodore VE   +    13.8016s
4.  Jamie Whincup         Ford Falcon FG        +    14.0469s
5.  Russell Ingall        Holden Commodore VE   +    20.6538s
6.  Jason Bright          Ford Falcon FG        +    24.3398s
7.  Jason Bargwanna       Holden Commodore VE   +    25.2107s
8.  Steven Richards       Ford Falcon FG        +    28.2625s
9.  Cameron McConville    Holden Commodore VE   +    31.1981s
10.  James Courtney        Ford Falcon FG        +    31.3789s
11.  Fabian Coulthard      Ford Falcon FG        +    32.2929s
12.  Paul Dumbrell         Holden Commodore VE   +    40.1478s
13.  Shane Van Gisbergen   Ford Falcon FG        +    40.8522s
14.  Jason Richards        Holden Commodore VE   +    41.6065s
15.  David Reynolds        Holden Commodore VE   +    41.9546s
16.  Rick Kelly            Holden Commodore VE   +    44.9464s
17.  Mark Winterbottom     Ford Falcon FG        +    45.7059s
18.  Michael Caruso        Holden Commodore VE   +    52.5775s
19.  Greg Murphy           Holden Commodore VE   +    53.0860s
20.  Dean Fiore            Holden Commodore VE   +     1 volta
21.  Alex Davison          Ford Falcon FG        +     1 volta
22.  Tim Slade             Holden Commodore VE   +     1 volta
23.  Tony D’Alberto        Holden Commodore VE   +     1 volta
24.  Jack Perkins          Holden Commodore VE   +     1 volta
25.  Mark McNally          Holden Commodore VE   +     2 voltas

Abandonos:
     Will Davison          Holden Commodore VE    41
     Lee Holdsworth        Holden Commodore VE    39
     Todd Kelly            Holden Commodore VE    38
     Michael Patrizi       Ford Falcon BF         29

     Piloto                Montadora                  Voltas

Classificação:

1 Jamie Whincup 3175
2 Will Davison 2894
3 Garth Tander 2766
4 Craig Lowndes 2544
5 Steven Johnson 2177
6 Mark Winterbottom 2147
7 Rick Kelly 2078
8 James Courtney 1988
9 Lee Holdsworth 1886
10 Russell Ingall 1871
11 Shane van Gisbergen 1805
12 Michael Caruso 1737
13 Paul Dumbrell 1711
14 Jason Richards 1687
15 Steven Richards 1630
16 Cameron McConville 1565
17 Todd Kelly 1561
18 Alex Davison 1519
19 Fabian Coulthard 1488
20 Jason Bright 1478
21 Greg Murphy 1459
22 David Reynolds 1305
23 Jason Bargwanna 1196
24 Tim Slade 1164
25 Tony D’Alberto 1124
26 Jack Perkins 993
27 Michael Patrizi 851
28 Dean Fiore 668
29 Dale Wood 578
30 Mark McNally 512
31 Mark Skaife 372
32 Marcus Marshall 351
33 David Besnard 306
34 Greg Ritter 306
35 Andrew Thompson 277
36 Craig Baird 249
37 Mark Noske 248
38 Steve Owen 247
39 Shane Price 247
40 John McIntyre 213
41 Daniel Gaunt 213
42 Paul Morris 206
43 Karl Reindler 192
44 David Wall 192
45 Leanne Ferrier-Tander 192
46 Tony Ricciardello 183
47 Jonathon Webb 182
48 Warren Luff 182
49 Nathan Pretty 180
50 Dean Canto 152
51 Luke Youlden 152
52 Damian Assaillit 147
53 Brad Lowe 147
54 Andy Priaulx 138
55 Owen Kelly 134
56 Andrew Jones 104
57 Brad Jones 104
58 Allan Simonsen 91
59 Ben Collins 90
60 David Sieders 86
61 Andrew Fisher 86
62 Taz Douglas 70
63 Sam Walter 70

Jimmie Johnson: domínio na NASCAR

Denny Hamlin venceu, neste domingo (22), pela quarta vez na temporada da NASCAR Sprint Cup. No entanto, o oval de Homestead, em Miami, ficou pequeno para a festa do tetracampeonato de Jimmie Johnson, que chegou em quinto.

Pela primeira vez em 60 anos de história da categoria um piloto alcança quatro títulos de forma consecutiva. Vice-campeão, Mark Martin também entrou para os anais do certame, conquistando seu quinto vice-campeonato na carreira. Na corrida, uma modesta 12ª colocação.

Completando o domínio da equipe Hendrick Motorsport, Jeff Gordon terminou a temporada em terceiro, após o sexto lugar de ontem.

Destaque para o bom resultado da Richard Childress, que fez segundo e terceiro na prova, respectivamente com Jeff Burton e Kevin Harvick. Kurt Busch, em quarto, terminou na mesma posição na tabela de pontos. Resultado animador para Penske e Dodge.

Confira o resultado em Homestead e a classificação final do certame:

Pos  Piloto              Carro     Voltas
 1.  Denny Hamlin        Toyota     267
 2.  Jeff Burton         Chevrolet  267
 3.  Kevin Harvick       Chevrolet  267
 4.  Kurt Busch          Dodge      267
 5.  Jimmie Johnson      Chevrolet  267
 6.  Jeff Gordon         Chevrolet  267
 7.  Carl Edwards        Ford       267
 8.  Kyle Busch          Toyota     267
 9.  Martin Truex Jr     Chevrolet  267
10.  AJ Allmendinger     Ford       267
11.  Clint Bowyer        Chevrolet  267
12.  Mark Martin         Chevrolet  267
13.  Matt Kenseth        Ford       267
14.  Greg Biffle         Ford       267
15.  David Reutimann     Toyota     267
16.  Bill Elliott        Ford       267
17.  Kasey Kahne         Dodge      267
18.  Jamie McMurray      Ford       267
19.  Casey Mears         Chevrolet  267
20.  Brian Vickers       Toyota     267
21.  Sam Hornish Jr      Dodge      267
22.  Tony Stewart        Chevrolet  267
23.  Ryan Newman         Chevrolet  267
24.  Joey Logano         Toyota     267
25.  Brad Keselowski     Dodge      267
26.  Paul Menard         Ford       267
27.  Scott Speed         Toyota     267
28.  Dale Earnhardt Jr   Chevrolet  267
29.  David Gilliland     Toyota     267
30.  Michael Waltrip     Toyota     267
31.  Bobby Labonte       Chevrolet  267
32.  Regan Smith         Chevrolet  267
33.  John Andretti       Chevrolet  267
34.  David Ragan         Ford       267
35.  Marcos Ambrose      Toyota     251
36.  Erik Darnell        Ford       247
37.  Travis Kvapil       Chevrolet  243
38.  Juan Pablo Montoya  Chevrolet  235
39.  Robby Gordon        Toyota     227
40.  Reed Sorenson       Dodge      116
41.  Elliott Sadler      Dodge      116
42.  Terry Labonte       Toyota     88
43.  Michael McDowell    Toyota     35

Classificação/Pilotos:

1 Jimmie Johnson 6652
2 Mark Martin 6511
3 Jeff Gordon 6473
4 Kurt Busch 6446
5 Denny Hamlin 6335
6 Tony Stewart 6309
7 Greg Biffle 6292
8 Juan Pablo Montoya 6252
9 Ryan Newman 6175
10 Kasey Kahne 6128
11 Carl Edwards 6118
12 Brian Vickers 5929
13 Kyle Busch 4457
14 Matt Kenseth 4389
15 Clint Bowyer 4359
16 David Reutimann 4221
17 Jeff Burton 4022
18 Marcos Ambrose 3830
19 Kevin Harvick 3796
20 Joey Logano 3791
21 Casey Mears 3759
22 Jamie McMurray 3604
23 Martin Truex Jr. 3503
24 A.J. Allmendinger 3476
25 Dale Earnhardt Jr. 3422
26 Elliott Sadler 3350
27 David Ragan 3252
28 Sam Hornish Jr. 3203
29 Reed Sorenson 3147
30 Bobby Labonte 3128
31 Paul Menard 2979
32 David Stremme 2919
33 Michael Waltrip 2839
34 Robby Gordon 2699
35 Scott Speed 2690
36 John Andretti 2597
37 David Gilliland 1928
38 Brad Keselowski 1528
39 Regan Smith 1440
40 Joe Nemechek 1342
41 Dave Blaney 1204
42 Bill Elliott 1095
43 Massimiliano Papis 1047
44 Mike Bliss 577
45 Tony Raines 528
46 Aric Almirola 527
47 Erik Darnell 472
48 Scott Riggs 448
49 Travis Kvapil 378
50 Patrick Carpentier 351
51 Terry Labonte 338
52 Michael McDowell 326
53 Sterling Marlin 316
54 Jeremy Mayfield 288
55 Mike Skinner 200
56 Ron Fellows 158
57 Boris Said 152
58 Todd Bodine 123
59 Robert Richardson Jr. 109
60 Andy Lally 82
61 Mike Wallace 80
62 Scott Wimmer 76
63 Dexter Bean 55
64 P.J. Jones 40
65 Brandon Ash 40
66 Derrike Cope 37
67 Tony Ave 34
Classificação/Montadoras:
1 Chevrolet 265
2 Toyota 207
3 Ford 164
4 Dodge 156

Mortara vence em Macau

Publicado: 23/11/2009 em Fórmula 3

Italiano competiu na GP2 em 2009

Edoardo Mortara venceu a etapa de Macau da Fórmula 3 e colocou seu nome na história da tradicional prova. Numa disputa particular com seu companheiro na equipe Signature, Jean-Karl Vernay, o italiano aproveitou um erro do francês para ultrapassá-lo a três voltas do fim.

Um grande acidente na largada eliminou, de cara, oito pilotos da disputa e provocou a entrada do Safety-Car. Daniel Ricciardo, campeão da divisão inglesa da categoria, foi um dos envolvidos. Quem também abandonou foi o ex-piloto de testes da Red Bull na Fórmula 1, o neo-zelandês Brendon Hartley.

O pódio foi completado pelo britânico Sam Bird, da ART, em terceiro. Seu parceiro, Jules Bianchi, não passou do décimo lugar, atrapalhado pela má posição de largada, graças a um mau desempenho na corrida de sábado.

Confira o resultado final em Macau:

Pos  Piloto                Equipe            Tempo
 1.  Edoardo Mortara       Signature         53m07.769s
 2.  Jean-Karl Vernay      Signature         + 1.146s
 3.  Sam Bird              ART               + 10.982s
 4.  Marcus Ericsson       TOM'S             + 14.988s
 5.  Valtteri Bottas       ART               + 19.188s
 6.  Takuto Iguchi         TOM'S             + 21.406s
 7.  Renger van der Zande  Double R          + 22.059s
 8.  Mika Maki             Hitech            + 29.005s
 9.  Yuji Kunimoto         Now               + 33.348s
10.  Jules Bianchi         ART               + 35.761s
11.  Victor Garcia         Fortec            + 46.923s
12.  Carlos Huertas        Manor             + 47.111s
13.  Laurens Vanthoor      Signature         + 48.036s
14.  Kouki Saga            La Beausset       + 54.965s
15.  Stef Dusseldorp       Kolles & Heinz    + 1m05.637s
16.  Henry Arundel         Carlin            + 1m10.699s
17.  Roberto Merhi         Manor             + 1 volta
18.  Alexander Sims        Double R          + 1 volta
Abandonos:

     Kei Cozzolino         Toda              10 voltas
     Alexandre Imperatori  Kolles & Heinz    3 voltas
     Daniel Zampieri       Prema             0 voltas
     Michael Ho            Manor             0 voltas
     Stefano Coletti       Prema             0 voltas
     Max Chilton           Carlin            0 voltas
     Jake Rosenzweig       Fortec            0 voltas
     Brendon Hartley       Carlin            0 voltas
     Daniel McKenzie       Fortec            0 voltas
     Daniel Ricciardo      Carlin            0 voltas

Tarquini: primeiro título

Augusto Farfus Jr., da BMW, venceu a etapa de encerramento da temporada 2009 do WTCC, em Macau, neste domingo (22). O brasileiro confirmou a terceira posição no campeonato.

Na luta pelo título, Gabriele Tarquini ficou com a taça, apesar do quinto lugar. Seu grande rival, Yvan Muller, foi o terceiro.

Jorg Müller obteve mais um bom resultado e completou a dobradinha da BMW, com um segundo lugar. Ainda assim, a montadora bávara perdeu por três pontos o título de construtores para a SEAT.

A prova foi marcada por um forte acidente de Franz Engstler. O alemão, de 48 anos, bateu em Felix Portero – numa disputa pela liderança entre os independentes – e quebrou a clavícula esquerda.

Confira o resultado em Macau e a classificação final da temporada:

Pos Piloto                     Carro           Tempo
 1. Augusto Farfus             BMW             22m20.166s
 2. Jorg Muller                BMW                 0.801s
 3. Yvan Muller                SEAT                1.201s
 4. Tiago Monteiro             SEAT                1.980s
 5. Gabriele Tarquini          SEAT                3.815s
 6. Jordi Gene                 SEAT                5.018s
 7. Nicola Larini              Chevrolet           5.359s
 8. Robert Huff                Chevrolet           5.895s
 9. Alex Zanardi               BMW                 6.167s
10. Rickard Rydell             SEAT                6.712s
11. Sergio Hernandez           BMW                 7.764s
12. Felix Porteiro             BMW                 8.290s
13. Andy Priaulx               BMW                 8.583s
14. Franz Engstler             BMW                 9.390s
15. Norbertu Taniguchi         BMW                10.635s
16. Takayuki Aoki              BMW                12.819s
17. Andre Couto                SEAT               13.531s
18. Kit Meng Lei               BMW                24.275s
19. Henry Ho                   BMW                27.175s
20. Jo Merszei                 BMW                27.530s
21. Alain Menu                 Chevrolet         2 voltas

Abandonos:

    Tom Coronel                SEAT              4 voltas
    Tom Boardman               SEAT              2 voltas
    Kristian Poulsen           BMW               2 voltas

Classificação/Pilotos:

1 Gabriele Tarquini 127
2 Yvan Muller 123
3 Augusto Farfus Jr. 113
4 Andy Priaulx 84
5 Robert Huff 80
6 Jörg Müller 76
7 Rickard Rydell 64
8 Jordi Gené 48
9 Tiago Monteiro 44
10 Alain Menu 41
11 Sergio Hernández 36
12 Alessandro Zanardi 31
13 Nicola Larini 27
14 Tom Coronel 15
15 Felix Porteiro 10
16 Franz Engstler 7
17 James Thompson 6
18 Stefano D'Aste 3
19 Eric Cayrolle 1
Classificação/Construtores:
1 SEAT 314
2 BMW 311
3 Chevrolet 215
4 Lada 83

Robert Huff: terceira vitória no ano

Partindo da pole, Robert Huff confirmou a vitória na primeira prova do WTCC deste domingo (22), em Macau. Gabriele Tarquini fez interessante prova de recuperação e colocou a mão na taça, com o segundo lugar. Enquanto isso, Yvan Muller, seu principal rival, chegou apenas em quinto.

Entre eles, Jordi Gene e Alain Menu completaram o pódio. Já o brasileiro Augusto Farfus Jr. se despediu das chances matemáticas de título, que ainda alimentava. No entanto, a oitava colocação lhe dá direito de largar da pole na segunda bateria.

Confira o resultado:

Pos Piloto                     Carro           Tempo
 1. Robert Huff                Chevrolet       23m02.627s
 2. Gabriele Tarquini          SEAT                7.952s
 3. Jordi Gene                 SEAT                8.996s
 4. Alain Menu                 Chevrolet          10.328s
 5. Yvan Muller                SEAT               13.534s
 6. Tiago Monteiro             SEAT               15.517s
 7. Jorg Muller                BMW                15.782s
 8. Augusto Farfus             BMW                15.967s
 9. Alex Zanardi               BMW                16.301s
10. Sergio Hernandez           BMW                16.527s
11. Rickard Rydell             SEAT               16.618s
12. Nicola Larini              Chevrolet          18.476s
13. Tom Coronel                SEAT               21.356s
14. Felix Porteiro             BMW                21.961s
15. Tom Boardman               SEAT               29.923s
16. Franz Engstler             BMW                30.468s
17. Kristian Poulsen           BMW                44.647s
18. Norbertu Taniguchi         BMW                46.571s
19. Takayuki Aoki              BMW                56.298s
20. Henry Ho                   BMW              1m23.908s
21. Kit Meng Lei               BMW              2m02.061s
22. Jo Merszei                 BMW              2m02.321s
23. Jaap van Lagen             Lada             +2 voltas
24. Liu Lic Ka                 BMW              +2 voltas
25. Andre Couto                SEAT             +2 voltas

Abandonos:

    Andy Priaulx               BMW                 2 voltas

Busch vence e confirma título

Publicado: 22/11/2009 em Nationwide

Kyle Busch é campeão

Kyle Busch não fez uma grande temporada na NASCAR Sprint Cup. Porém, na Nationwide Series conquistou o título, com mais uma vitória, neste sábado (21), em Homestead.

O piloto da Toyota superou Carl Edwards no oval de Miami, tanto na disputa do título quanto na prova, já que o representante da Ford chegou em segundo.

Jeff Burton, da Chevrolet, terminou em terceiro.

Confira o resultado em Homestead e a classificação final:

Pos  Piloto             Carro      Voltas
 1.  Kyle Busch         Toyota      200
 2.  Carl Edwards       Ford        200
 3.  Jeff Burton        Chevrolet   200
 4.  Joey Logano        Toyota      200
 5.  Denny Hamlin       Toyota      200
 6.  David Reutimann    Toyota      200
 7.  Ryan Newman        Chevrolet   200
 8.  Steve Wallace      Chevrolet   200
 9.  Scott Speed        Toyota      200
10.  Matt Kenseth       Ford        200
11.  Brendan Gaughan    Chevrolet   200
12.  Brad Keselowski    Chevrolet   200
13.  Jason Keller       Ford        200
14.  Paul Menard        Ford        200
15.  Mike Wallace       Chevrolet   200
16.  Mike Bliss         Chevrolet   200
17.  Kenny Wallace      Chevrolet   200
18.  Jason Leffler      Toyota      200
19.  Scott Wimmer       Chevrolet   199
20.  Justin Allgaier    Dodge       199
21.  Michael Annett     Toyota      199
22.  Kevin Conway       Chevrolet   199
23.  Tony Raines        Chevrolet   199
24.  John Wes Townley   Ford        198
25.  Parker Kligerman   Dodge       198
26.  Mark Green         Chevrolet   198
27.  Ken Butler III     Chevrolet   198
28.  Eric McClure       Ford        198
29.  Kelly Bires        Chevrolet   198
30.  Tim Andrews        Chevrolet   197
31.  Erik Darnell       Ford        197
32.  Justin Marks       Toyota      196
33.  Shelby Howard      Chevrolet   196
34.  Blake Koch         Dodge       189
35.  Danny O'Quinn Jr   Chevrolet    52
36.  Joe Nemechek       Chevrolet    47
37.  Chase Miller       Toyota       26
38.  Kenny Hendrick     Ford         15
39.  Mark Day           Chevrolet    11
40.  Terry Cook         Chevrolet     7
41.  Dennis Setzer      Dodge         5
42.  Johnny Chapman     Chevrolet     4
43.  Kevin Hamlin       Ford          3

Classificação:

1 Kyle Busch 5682
2 Carl Edwards 5472
3 Brad Keselowski 5364
4 Jason Leffler 4540
5 Mike Bliss 4075
6 Justin Allgaier 4049
7 Steve Wallace 4007
8 Jason Keller 3960
9 Brendan Gaughan 3914
10 Michael Annett 3598
11 Kenny Wallace 3569
12 Tony Raines 3548
13 Michael McDowell 3449
14 Joey Logano 3371
15 Kevin Harvick 3248
16 Scott Wimmer 3177
17 Eric McClure 2962
18 David Ragan 2632
19 Danny O'Quinn Jr. 2404
20 Brian Vickers 2403
21 Scott Lagasse Jr. 2194
22 Matt Kenseth 1992
23 John Wes Townley 1989
24 Greg Biffle 1966
25 Paul Menard 1876
26 Erik Darnell 1837
27 David Reutimann 1807
28 Jeff Burton 1775
29 Clint Bowyer 1750
30 Morgan Shepherd 1742
31 Joe Nemechek 1692
32 Trevor Bayne 1648
33 Shelby Howard 1603
34 Scott Speed 1591
35 Mike Wallace 1535
36 Mark Green 1498
37 Brian Keselowski 1412
38 Ken Butler 1361
39 Matthew Carter 1305
40 Brandon Whitt 1260
41 Robert Richardson Jr. 1248
42 Ryan Newman 1191
43 Stephen Leicht 1185
44 Casey Atwood 1178
45 Kevin Conway 1149
46 Johnny Chapman 1090
47 Reed Sorenson 1059
48 Kelly Bires 1053
49 Burney Lamar 957
50 Jeremy Clements 951
51 Dale Earnhardt Jr. 901
52 Brad Coleman 873
53 Bobby Hamilton Jr. 846
54 Terry Cook 833
55 David Green 807
56 Kenny Hendrick 777
57 Dennis Setzer 775
58 Peyton Sellers 747
59 Kertus Davis 743
60 Denny Hamlin 729
61 Kevin Lepage 689
62 Ricky Stenhouse Jr. 677
63 David Gilliland 672
64 Brian Scott 664
65 Michael Waltrip 661
66 D.J. Kennington 625
67 Derrike Cope 619
68 Mike Harmon 612
69 John Borneman III 604
70 Kevin Hamlin 589
71 Kasey Kahne 562
72 Tony Stewart 500
73 Jeff Green 483
74 Chase Miller 442
75 Benny Gordon 436
76 Aric Almirola 394
77 Marcos Ambrose 375
78 Justin Marks 368
79 Dave Blaney 357
80 Austin Dillon 355
81 Travis Kittleson 338
82 Stanton Barrett 337
83 Marc Davis 307
84 Ron Hornaday Jr. 293
85 Tim Andrews 292
86 Andy Ponstein 287
87 Sean Murphy 279
88 Martin Truex Jr. 265
89 Chase Austin 255
90 James Buescher 254
91 J.C. Stout 239
92 Boris Said 218
93 Coleman Pressley 215
94 Ron Fellows 213
95 Parker Kligerman 208
96 Willie Allen 200
97 Josh Wise 198
98 J.R. Fitzpatrick 191
99 Chad Blount 190
100 Jeff Fuller 186
101 Kerry Earnhardt 176
102 Blake Koch 173
103 Donnie Neuenberger 171
104 Casey Mears 170
105 Andrew Ranger 170
106 Bobby Gerhart 167
107 Jacques Villeneuve 165
108 Patrick Carpentier 161
109 Jeffrey Earnhardt 161
110 Mark Day 159
111 Brian Ickler 152
112 Jean-Francois Dumoulin 146
112 Mark Martin 146
114 Chris Cook 144
115 Landon Cassill 134
116 Alex Tagliani 134
117 Brad Teague 128
118 Justin Hobgood 126
119 Jarit Johnson 125
120 Antonio Perez 124
121 Scott Gaylord 122
122 Victor Gonzalez Jr. 121
122 Matt DiBenedetto 121
122 Robby Gordon 121
125 Justin Lofton 115
126 Elliott Sadler 109
127 Max Papis 103
127 Travis Kvapil 103
129 Brett Rowe 100
129 J.J. Yeley 100
131 Sean Caisse 97
132 Eddie MacDonald 97
133 Bobby Hillin Jr. 94
133 Richard Boswell 94
135 Patrick Sheltra 92
136 Brad Baker 83
137 Tom Hubert 74
138 Jason Bowles 70
138 Cale Gale 70
140 Chase Mattioli 67
141 Chris Lawson 55
142 Andy Lally 52
142 Daryl Harr 52
144 Chris Horn 49
145 Tony Ave 46
146 Colin Braun 43
147 Justin Ashburn 40
148 Kris Szekeres 37
149 Donny Lia 34
149 Steve Grissom 34

Meeke vibra com seu co-piloto

Kris Meeke, da Peugeot, venceu neste sábado (21) o Rally da Escócia, último da temporada 2009 do IRC.

O britânico terminou com uma folgada vantagem de 20s sobre Guy Wilks, da Skoda. O pódio foi completado por um distante Alister McRae (Proton), em terceiro.

Jonathan Greer colocou seu Mitsubishi em quarto, seguido de Jock Armstrong, da Subaru, e Kaspar Koitla, da Honda, que fecharam a lista dos seis primeiros.

Eamonn Boland e Sebastien Rousseaux completaram a zona de pontuação.

Confira o resultado na Escócia e a classificação final da temporada:

*: Kris Meeke foi desclassificado na quinta-feira (26) por conta do peso de seu carro estar abaixo do exigido pelo regulamento. A Peugeot anunciou que irá recorrer da decisão. Assim, até o presente momento, a vitória do Rally da Escócia fica com Guy Wilks, da Skoda.

A desclassificação de Meeke não altera o resultado final do campeonato, já que o título do britânico havia sido conquistado na etapa anterior, na Itália.

Pos  Piloto               Carro       Tempo
 1.  Kris Meeke           Peugeot     2h16m46.8s
 2.  Guy Wilks            Skoda       + 20.7s
 3.  Alister McRae        Proton      + 3m08.0s
 4.  Jonathan Greer       Mitsubishi  + 5m42.5s
 5.  Jock Armstrong       Subaru      + 7m01.6s
 6.  Kaspar Koitla        Honda       + 14m11.8s
 7.  Eamonn Boland        Mitsubishi  + 15m09.5s
 8.  Sebastien Rousseaux  Subaru      + 17m20.0s
 9.  Tom Cave             Ford        + 17m28.4s
10.  William Bonniwell    Mitsubishi  + 18m24.5s

Classificação/Pilotos:

1 Kris Meeke 66
2 Jan Kopecky 49
3 Freddy Loix 37
4 Nicolas Vouilloz 31
5 Giandomenico Basso 28
6 Juho Hänninen 21
7 Guy Wilks 13
8 Sebastien Ogier 10
9 Carl Tundo 10
10 Bruno Magalhães 8
11 Luca Rossetti 8
12 Alistair Cavenagh 8
13 Franz Wittmann 7
14 Stéphane Sarrazin 6
15 Lee Rose 6
16 Alexandre Camacho 6
17 Alister McRae 6
18 Asad Anwar 5
19 Pieter Tsjoen 5
20 Roman Kresta 5
21 Jonathan Greer 5
22 Corrado Fontana 5
23 Alejandro Cancio 4
24 Alex Horsey 4
25 Fernando Peres 4
26 Martin Prokop 4
27 Paolo Andreucci 4
28 Jock Armstrong 4
29 Kaspar Koitla 4
30 Anton Alén 3
31 Frédéric Romeyer 3
32 Rafael Tulio 3
33 Quentin Mitchel 3
34 Gilles Schammel 3
35 Pavel Valousek 3
36 Alberto Hevia 3
37 Renato Travaglia 3
38 Michal Solowow 2
39 Olivier Burri 2
40 Luis Tedesco 2
41 Navraj Hans 2
42 Conrad Rautenbach 2
43 Jasper Van Den Heuvel 2
44 Boris Zimin 2
45 Miguel Nunes 2
46 János Tóth 2
47 Luca Cantamessa 2
48 Eamonn Boland 2
49 Patrick Artru 1
50 Marcos Tokarski 1
51 Peter Horsey 1
52 Ricardo Moura 1
53 Václav Pech 1
54 William Bonniwell 1
Classificação/Construtores:
1 Peugeot 112
2 Skoda 80
3 Mitsubishi 50
4 Abarth 43
5 Proton 11
6 Honda 3

Vernay foi o quinto no europeu de F3

Jean-Karl Vernay triunfou na etapa de Macau da Fórmula 3, deste sábado (21). O piloto da Signature ultrapassou na largada o pole, Marcus Ericsson, mas tomou o troco. Ainda assim, voltou a liderança após um período de Safety-Car, na volta 4, com nova manobra sobre o sueco.

O pódio foi completado por Edoardo Mortara, em terceiro.

Alguns notáveis não se destacaram tanto quanto o esperado. O australiano Daniel Ricciardo, campeão da divisão inglesa da categoria, chegou apenas em sexto, atrás de Valtteri Bottas e Laurens Vanthoor, que fecharam, nesta ordem, a lista dos cinco primeiros.

Já o campeão europeu, o francês Jules Bianchi, se envolveu num acidente na primeira volta, foi aos boxes reparar os danos, se atrasou e completou apenas em 21º.

Quem também se meteu em apuros no início da prova foi o neo-zelandês Brendon Hartley. Ex-piloto de testes da Red Bull na Fórmula 1, o piloto de vinte anos não foi além da 24ª colocação.

Amanhã acontece a prova principal.

Confira o resultado:

Pos  Piloto                Equipe            Tempo
 1.  Jean-Karl Vernay      Signature         31m52.192s
 2.  Marcus Ericsson       TOM'S             + 0.271s
 3.  Edoardo Mortara       Signature         + 1.094s
 4.  Valtteri Bottas       ART               + 1.587s
 5.  Laurens Vanthoor      Signature         + 2.178s
 6.  Daniel Ricciardo      Carlin            + 4.598s
 7.  Sam Bird              ART               + 6.093s
 8.  Takuto Iguchi         TOM'S             + 6.665s
 9.  Roberto Merhi         Manor             + 8.072s
10.  Mika Maki             Hitech            + 9.250s
11.  Renger van der Zande  Double R          + 9.720s
12.  Yuji Kunimoto         Now               + 10.493s
13.  Alexander Sims        Double R          + 10.769s
14.  Victor Garcia         Fortec            + 11.149s
15.  Max Chilton           Carlin            + 11.627s
16.  Kei Cozzolino         Toda              + 13.395s
17.  Stef Dusseldorp       Kolles & Heinz    + 14.531s
18.  Kouki Saga            La Beausset       + 19.317s
19.  Carlos Huertas        Manor             + 20.060s
20.  Daniel Zampieri       Prema             + 20.292s
21.  Jules Bianchi         ART               + 20.624s
22.  Stefano Coletti       Prema             + 21.332s
23.  Alexandre Imperatori  Kolles & Heinz    + 21.974s
24.  Brendon Hartley       Carlin            + 22.262s
25.  Daniel McKenzie       Fortec            + 23.145s
26.  Michael Ho            Manor             + 24.222s
Abandonos:

     Wayne Boyd            Hitech            6 voltas
     Henry Arundel         Carlin            5 voltas
     Jake Rosenzweig       Fortec            0 voltas

Johnson sai na pole em Homestead

Publicado: 20/11/2009 em NASCAR

Johnson treina em Miami

Jimmie Johnson sobrou nesta sexta-feira (20), no oval de Homestead, em Miami, e faturou uma pole folgada para a última e decisiva etapa da NASCAR Sprint Cup em 2009. O tempo do piloto da Hendrick foi em 31s049, cerca de 0,2s mais rápido que o segundo colocado, Scott Speed.

Marcos Ambrose se colocou em terceiro, à frente de Mark Martin, que ainda têm aspirações quanto ao título. Mas a situação está difícil. O veterano precisa de uma vitória no domingo, além de torcer para Johnson não passar de 26º.

Greg Biffle, em oitavo, é o melhor Ford, enquanto Kurt Busch, no 12º posto, é o Dodge mais bem posicionado no grid.

Confira:

Pos  Piloto              Carro      Mph      Tempo    Diff.
 1.  Jimmie Johnson      Chevrolet  173.919  31.049s
 2.  Scott Speed         Toyota     172.695  31.269s  + 0.220s
 3.  Marcos Ambrose      Toyota     172.678  31.272s  + 0.223s
 4.  Mark Martin         Chevrolet  172.353  31.331s  + 0.282s
 5.  Tony Stewart        Chevrolet  172.243  31.351s  + 0.302s
 6.  Kevin Harvick       Chevrolet  172.145  31.369s  + 0.320s
 7.  Ryan Newman         Chevrolet  172.035  31.389s  + 0.340s
 8.  Greg Biffle         Ford       172.024  31.391s  + 0.342s
 9.  Bill Elliott        Ford       171.860  31.421s  + 0.372s
10.  Clint Bowyer        Chevrolet  171.838  31.425s  + 0.376s
11.  Jamie McMurray      Ford       171.838  31.425s  + 0.376s
12.  Kurt Busch          Dodge      171.794  31.433s  + 0.384s
13.  AJ Allmendinger     Ford       171.750  31.441s  + 0.392s
14.  Martin Truex Jr     Chevrolet  171.646  31.460s  + 0.411s
15.  Casey Mears         Chevrolet  171.630  31.463s  + 0.414s
16.  Regan Smith         Chevrolet  171.576  31.473s  + 0.424s
17.  David Gilliland     Toyota     171.461  31.494s  + 0.445s
18.  Michael McDowell    Toyota     171.434  31.499s  + 0.45 s
19.  Bobby Labonte       Chevrolet  171.396  31.506s  + 0.457s
20.  Jeff Gordon         Chevrolet  171.336  31.517s  + 0.468s
21.  Elliott Sadler      Dodge      171.331  31.518s  + 0.469s
22.  David Reutimann     Toyota     171.276  31.528s  + 0.479s
23.  Juan Pablo Montoya  Chevrolet  171.162  31.549s  + 0.500s
24.  Carl Edwards        Ford       170.994  31.580s  + 0.531s
25.  Kasey Kahne         Dodge      170.967  31.585s  + 0.536s
26.  Jeff Burton         Chevrolet  170.967  31.585s  + 0.536s
27.  Brad Keselowski     Dodge      170.816  31.613s  + 0.564s
28.  Travis Kvapil       Chevrolet  170.805  31.615s  + 0.566s
29.  Sam Hornish Jr      Dodge      170.794  31.617s  + 0.568s
30.  Kyle Busch          Toyota     170.648  31.644s  + 0.595s
31.  Erik Darnell        Ford       170.530  31.666s  + 0.617s
32.  Dale Earnhardt Jr   Chevrolet  170.454  31.680s  + 0.631s
33.  Brian Vickers       Toyota     170.411  31.688s  + 0.639s
34.  Matt Kenseth        Ford       170.379  31.694s  + 0.645s
35.  Joey Logano         Toyota     170.272  31.714s  + 0.665s
36.  Paul Menard         Ford       170.266  31.715s  + 0.666s
37.  Matt Crafton        Toyota     169.881  31.787s  + 0.738s
38.  Denny Hamlin        Toyota     169.715  31.818s  + 0.769s
39.  Michael Waltrip     Toyota     169.353  31.886s  + 0.837s
40.  John Andretti       Chevrolet  169.274  31.901s  + 0.852s
41.  David Ragan         Ford       169.072  31.939s  + 0.890s
42.  Reed Sorenson       Dodge      169.003  31.952s  + 0.903s
43.  Terry Labonte       Toyota

Não qualificados:

     Joe Nemechek        Toyota     170.708  31.633s  + 0.584s
     Dave Blaney         Toyota     168.940  31.964s  + 0.915s
     Mike Skinner        Chevrolet  168.660  32.017s  + 0.968s
     Max Papis           Toyota     168.529  32.042s  + 0.993s
     David Stremme       Chevrolet

Campeão antecipado da temporada 2009 do IRC, Kris Meeke, da Peugeot, liderou o primeiro dia de disputas do Rally da Escócia, última etapa do certame. Nesta sexta-feira (20), o resultado final apresentou uma vantagem de mais de 20s do britânico sobre o segundo colocado, Guy Wilks, da Skoda.

Quase um minuto atrás, Alister McRae (Proton) ficou em terceiro, seguido da dupla da Mitsubishi, Jonathan Greer e David Bogie, fechando o Top 5.

Jock Armstrong foi o melhor representante da Subaru, em sexto, enquanto Eamonn Boland (Mitsubishi) e Martin Kangur (Honda) completaram a zona de pontuação.

O Rally da Escócia prossegue amanhã.

Confira o resultado parcial:

Pos  Piloto               Carro       Tempo
 1.  Kris Meeke           Peugeot     56m35.3s
 2.  Guy Wilks            Skoda       + 21.2s
 3.  Alister McRae        Proton      + 1m18.2s
 4.  Jonathan Greer       Mitsubishi  + 3m49.1s
 5.  David Bogie          Mitsubishi  + 3m54.2s
 6.  Jock Armstrong       Subaru      + 4m44.4s
 7.  Eamonn Boland        Mitsubishi  + 8m15.6s
 8.  Martin Kangur        Honda       + 8m34.5s
 9.  Kaspar Koitla        Honda       + 8m47.9s
10.  Sebastien Rousseaux  Subaru      + 9m13.5s

Ericsson contorna o circuito de rua

Marcus Ericsson vai largar da pole-position na tradicional etapa de Macau da Fórmula 3. Nesta sexta-feira (20), o piloto da TOM’s repetiu a melhor marca do treino oficial de ontem. Desta vez, com uma volta em 2:10.042s, o sueco superou em meros 0,039s o segundo colocado, Jean-Karl Vernay.

Valtteri Bottas se colocou em terceiro e terá ao seu lado, na segunda fila, o italiano Edoardo Mortara. Daniel Ricciardo, campeão da divisão inglesa da categoria, fecha o Top 5.

Destaque negativo para Jules Bianchi. O campeão europeu do certame jamais se acertou na pista asiática e figura apenas em sétimo no grid.

O ex-piloto de testes da Red Bull Racing na Fórmula 1, Brendon Hartley, também não se destacou e parte de 12º.

Confira o grid:

Pos Piloto                Equipe           Tempo      Diff.
 1. Marcus Ericsson       TOM's            2:10.042
 2. Jean-Karl Vernay      Signature        2:10.081  +0.039
 3. Valtteri Bottas       ART              2:10.108  +0.066
 4. Edoardo Mortara       Signature        2:10.234  +0.192
 5. Daniel Ricciardo      Carlin           2:10.780  +0.738
 6. Laurens Vanthoor      Signature        2:11.073  +1.031
 7. Jules Bianchi         ART              2:11.279  +1.237
 8. Sam Bird              ART              2:11.334  +1.292
 9. Stefano Coletti       Prema            2:11.476  +1.434
10. Mika Maki             Hitech           2:11.812  +1.770
11. Takuto Iguchi         TOM's            2:12.024  +1.982
12. Brendon Hartley       Carlin           2:12.055  +2.013
13. Roberto Merhi         Manor            2:12.068  +2.026
14. Alexander Sims        Double R         2:12.256  +2.214
15. Renger van der Zande  Double R         2:12.306  +2.264
16. Yuji Kunimoto         NOW              2:12.547  +2.505
17. Max Chilton           Carlin           2:12.568  +2.526
18. Wayne Boyd            Hitech           2:12.749  +2.707
19. Carlos Huertas        Manor            2:12.913  +2.871
20. Jake Rosenzweig       Fortec           2:13.000  +2.958
21. Kei Cozzolino         Toda             2:13.051  +3.009
22. Daniel Zampieri       Prema            2:13.734  +3.692
23. Victor Garcia         Fortec           2:13.781  +3.739
24. Koki Saga             Le Beausset      2:13.825  +3.783
25. Stef Dusseldorp       Kolles           2:13.946  +3.904
26. Alexandre Imperatori  Kolles           2:14.124  +4.082
27. Henry Arundel         Carlin           2:14.362  +4.320
28. Daniel McKenzie       Fortec           2:16.210  +6.168
29. Michael Ho            Manor            2:18.180  +8.138
30. Kevin Chen            Double R         2:18.910  +8.868

Edoardo Mortara

Na última sessão livre antes do qualifying, o italiano Edoardo Mortara registrou o tempo mais rápido da Fórmula 3 no circuito de Macau. Nesta sexta-feira (20), o piloto da Signature foi o único a andar na casa de 2m10s, batendo em 0,4s o australiano Daniel Ricciardo, segundo colocado.

Valtteri Bottas, com o equipamento da ART, ficou em terceiro, seguido de Brendon Hartley e Marcus Ericsson, fechando a lista dos cinco mais velozes.

Quem segue decepcionando é o francês Jules Bianchi. O atual campeão da divisão européia da categoria figurou apenas em 10º.

Confira:

Pos Piloto                   Equipe             Tempo      Diff.
 1. Edoardo Mortara          Signature          2:10.593
 2. Daniel Ricciardo         Carlin             2:11.006  +0.413
 3. Valtteri Bottas          ART                2:11.169  +0.576
 4. Brendon Hartley          Carlin             2:11.193  +0.600
 5. Marcus Ericsson          TOM's              2:11.285  +0.692
 6. Sam Bird                 ART                2:11.285  +0.692
 7. Laurens Vanthoor         Signature          2:11.294  +0.701
 8. Jean-Karl Vernay         Signature          2:11.340  +0.747
 9. Stefano Coletti          Prema              2:11.660  +1.067
10. Jules Bianchi            ART                2:11.769  +1.176
11. Carlos Huertas           Manor              2:12.129  +1.536
12. Renger van der Zande     Double R           2:12.190  +1.597
13. Takuto Iguchi            TOM's              2:12.273  +1.680
14. Alexander Sims           Double R           2:12.323  +1.730
15. Roberto Merhi            Manor              2:12.443  +1.850
16. Wayne Boyd               Hitech             2:12.586  +1.993
17. Mika Maki                Hitech             2:12.646  +2.053
18. Max Chilton              Carlin             2:12.732  +2.139
19. Koki Saga                Le Beausset        2:13.453  +2.860
20. Yuji Kunimoto            NOW                2:13.557  +2.964
21. Kei Cozzolino            Toda               2:13.616  +3.023
22. Victor Garcia            Fortec             2:13.950  +3.357
23. Alexandre Imperatori     Kolles             2:14.017  +3.424
24. Jake Rosenzweig          Fortec             2:14.056  +3.463
25. Daniel Zampieri          Prema              2:14.493  +3.900
26. Henry Arundel            Carlin             2:15.787  +5.194
27. Daniel McKenzie          Fortec             2:16.548  +5.955
28. Stef Dusseldorp          Kolles             2:16.897  +6.304
29. Michael Ho               Manor              2:20.580  +9.987
30. Kevin Chen               Double R           2:22.683  +12.090